Quantas chances de viver loucuras memoráveis a gente desperdiça com essa mania besta de pensar demais?!

Prefiro correr riscos do que me arrepender de não ter feito nada!


Abraça o que te faz sorrir!

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Então, proponho um brinde...

Um brinde a todas as minhas loucuras, um brinde a cada pessoa que me machucou, e me abriu os olhos pra ser mais esperta e menos bobinha, um brinde as pessoas que me marcaram só por me pedir uma dança na balada, um brinde aos meus sofrimentos passados, aos meus antigos amigos, aos atuais, e aqueles que nunca sairam da minha vida. Um brinde a todas as coisas que já passei e o que ainda vou passar. Um brinde a minha vida que apesar de todas as dificuldades, não me arrependo de nada.

Homens, aprendam!

Ai vai a dica:
Esqueça a jóia cara, a conta bancada na balada de playboy, o jantar naquele bistro francês que (se não fosse passar vergonha) adoraria parcelar em três vezes. Homem que é homem não se contenta em estar com uma mulher que pode ser comprada com um sapato caro ou com uma bolsa da gringa. Isso é muleta pros frouxos, prós covardes, pros que não conseguem conquistar nada na vida sem a presença do dinheiro. Ganhar com dinheiro é fácil – ganhar pelas atitudes, meu amigo, é o desafio que premia os melhores com as mulheres mais especiais. Por mais que muita mulher deteste assumir, todo ser do sexo feminino ama uma sensibilidade, uma sutileza, uma delicadeza. Ela pode ter amado ganhar aquele livro mas se, ao abri-lo, se deparar com uma página branca, sem nenhuma palavra escrita por você, o presente perde a metade da graça.
#Intensidade é o segredo!

FATO!

Sarcasmo e ironia, as duas melhores armas contra a estupidez humana.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

nem sempre vamos encontrar as coisas como queríamos que fossem

Pela estrada da vida, nem sempre vamos encontrar as coisas como queríamos que fossem, mas enquanto tivermos alguém que nos dê motivos para sorrir, vamos seguir em frente, pois isso é o que faz uma estrada inteira valer a pena.

um FATO!

Aprenda de uma vez por todas: 
Se você for se importar com tudo o que as pessoas falam e pensam a seu respeito você não vive, porque elas não vão deixar de falar e tampouco você  poderá deixar de viver!!!

P.S

Que Deus me proteja de gente má, cruel, invejosa. Mas, principalmente, de gente sem graça, sem sal, sem veneno, sem beleza e sem loucura.

P.S

" É impossível agradar a todos. Portanto, pare de viver para os outros e viva para você mesmo." #ficaadica ;)

P.S

O que eu quero é atitude. Se eu quisesse palavras eu comprava um dicionário.

P.S:

Esse negocio de: Amor que é amor dura a vida inteira, que amar é perdoar, que mesmo se a pessoa fizer tudo errado você olha nos olhos dela e diz que não sabe viver sem ela, pode Ate ser lindo, mas a pessoa pisa pisa em você e você ainda vai continuar lá se rastejando? E o amor próprio onde fica? Me poupe né gente!


Acho que chega uma hora em que a gente abre o olho de verdade, e enxerga o que está perdendo.

[...] O que me fazia chorar antes, agora me causa gargalhadas. Acho que chega uma hora em que a gente abre o olho de verdade, e enxerga o que está perdendo. Uma hora em que a gente cansa de ser idiota, e vê que o idiota é o cara que te fez de idiota. Sorria guria, olha o que tu tens pela frente, olha quanta gente nova tu podes conhecer. Olha o que o futuro tem guardado pra ti. Tu queres mesmo passar o resto da tua vida trancada num quarto chorando por causa daquele idiota? Pensa bem, se tu deu o melhor de ti, se declarou, chorou e não deu certo, é porque não era pra ser. E justamente porque não era pra ser, é que tem algo muito melhor te esperando. Não perde essa também. Dá uma chance pra si mesma, se valoriza. ;]

não vale a pena sofrer.


De tudo o que eu já passei , de toda dor que senti, de todos os erros que cometi, essa foi a única lição: não vale a pena sofrer. Sofrer pra quê se a vida é só uma e além de tudo é curta?! Viva mais, aproveite mais, ria mais,perdoe mais,abrace mais,beije mais,ame mais e deixe tudo o que for ruim e tudo o que te fizer sofrer de lado. Espalhe mais paz,mais amor, porque de dor,desamor e sofrimento o mundo já está transbordando!! :)

Sou alguém com muito pouco apreço a opinião alheia.


O excesso pra mim é fundamental. Sou da tribo dos intensos.
Esse talento pra loucura é meu. Ninguém tasca.
Agora o que você pensa dele sim, é um problema putamente seu.
Sou alguém com muito pouco apreço a opinião alheia.
Fui contaminada pela loucura.
Livrai-me de gente normal. Amém.

e dançar com o amor próprio


Tô com aquela imensa vontade de tomar um banho de felicidade,vestir a roupa do desapego, perfumar com bom humor,me maquiar com sonhos, para ir na festa da vida,tomar uma boa
dose de amnésia e dançar com o amor próprio!! 

Nunca tive muitos freios em matéria de sentimento.



“Sempre me senti diferente dos outros. Não mais bonita, não mais inteligente, não mais especial, não mais esperta, não mais maluca, não mais legal, apenas diferente. Sou diferente na forma de sentir, tudo que me toca, me toca fundo. Tudo que me alegra, me alegra muito. Tudo que me dói, dói forte, corta. Nunca tive muitos freios em matéria de sentimento. Sempre que eu quis ir, fui. Muito me estrepei. Sempre que quis falar, falei. Muito me ralei. Aprendi um pouco a calar, a tentar respirar fundo e pensar.”

Clarissa Corrêa

Porque aprendi que ajudar o outro é bonito.

Não esqueço de quem me estende a mão. Minha memória não é curta. Apesar de eu esquecer nomes, jamais deixo passar batido o que fazem por mim. Porque aprendi que ajudar o outro é bonito. Mas ser grato é mais bonito ainda.

terça-feira, 26 de junho de 2012

Desistir de você, era a mesma coisa que desistir de mim mesma.

E por um determinado momento eu pensei em largar de mão, desistir. Só que um segundo depois me fiz às seguintes perguntas: a gente desiste da gente? A gente desiste dos nossos sonhos assim tão fácil? A gente se preocupa tão pouco em resgatar o que nos faz bem? E eu larguei tudo o que me prendia de forma negativa nessa fase ruim e concentrei todas as minhas forças em recuperar o que a gente tinha. Tinha não, tem. E eu descobri. Desistir de você, era a mesma coisa que desistir de mim mesma. Como eu poderia deixar escapar de uma maneira tão estúpida a razão da minha felicidade? Enquanto milhares de pessoas estão à procura dela, eu com a sorte que tenho de ter encontrado, ia deixar escapar assim? E foi a partir dessa pergunta, que encontrei todas as respostas. E elas não poderiam ser melhores


toda dor é maior quando se quer chamar a atenção

As pessoas falam do que não sabem, criticam o que não viram, amam sem conhecer. As pessoas perderam a noção - todo mundo ama, todo mundo sofre, todo mundo é infeliz. A verdade é que eu não acredito muito, toda dor é maior quando se quer chamar a atenção!

Estou em um estado muito novo e verdadeiro


Inútil querer me classificar: eu simplesmente escapulo não deixando, gênero não me pega mais. Estou em um estado muito novo e verdadeiro, curioso de si mesmo, tão atraente e pessoal a ponto de não poder pintá-lo ou escrevê-lo. Parece com momentos que tive contigo, quando te amava, além dos quais não pude ir pois fui ao fundo dos momentos”

— Clarice Lispector 

P.S


Um FODA-SE pra tudo, todos e qualquer história
que me faça mal, que me deixe triste, roube a minha energia,
ou me paralise no tempo.
Porque como eu costumo dizer, que a vida é uma só e passar muito rápido pra ficar perdendo tempo com coisas insignificantes!

A maturidade me permite

 ...olhar com menos ilusões, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranqüilidade, e querer com mais doçura.

mas dessa vez consegui seguir em frente.

"Depois de tudo que passei, dos sonos perdidos, das lágrimas desperdiçadas, das suas idas e vindas em minha vida, e de ter me tornado uma pessoa fria e calculista, o dia finalmente chegou e você me disse aquelas palavras que eu tanto esperava; “Sinto a sua falta.” Até me bateu um friozinho na barriga e uma felicidade absurda, mas por um momento um filme se passou pela minha cabeça e me recordei de tudo. Foi quando respondi com apenas três palavras; “Eu, não mais.” Ainda não o havia superado, mas dessa vez consegui seguir em frente. E era disso que eu tanto precisava."

P.S: As vezes é preciso se desapegar!

é possível amar aceitando o que é possível receber


"Ele não vai dizer a frase certa na hora certa, e vai fazer você descobrir que não há frases erradas quando se fala com o coração. Ele não vai gostar do que você gosta, e você não vai gostar do que ele gosta, e a criatividade para descobrir prazeres em comum dará à relação um caráter insuspeitado. De um jeito mais simples, é possível amar aceitando o que é possível receber, sem sofrer pelo que foi sonhado em vão."
— Martha Medeiros.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

hahaha ADOREI!


(‘Amiguinhas’ do meu namorado…)

Opppps, caiu! ;x
Mas foi sem querer querendo! :D

quinta-feira, 21 de junho de 2012

eu devia ter escrito com lápis e não a caneta


Existem pessoas que eu devia ter escrito com lápis e não há caneta, apagar com borracha é fácil, agora deixar corretivo onde sabemos que tem algo abaixo é complicado.

você encontrará a famosa solidão.


Então, quando os dias passarem e eu não te ligar, quando nada de bom te acontecer e ninguém te olhar com meus olhos encantados, você encontrará a famosa solidão. A partir daí o que acontecerá, chama-se surpresa. E provavelmente o remédio para todas essas sensações acima é o tal tempo em que você tanto falava.

simplicidade que encanta!


São os pequenos brilhos que encantam. Os holofotes cegam.

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Perdeu! hahaha



P.S: Porque pessoas não são objetos e uma hora elas cansam!

Não corra na direção contrária.

O que não entra na cabeça de mulher. É que se o cara quer, ele liga. Se ele está afim de você, ele vai te procurar e não vai ser porque o celular por um descuido caiu na vala que ele vai desistir de você. Se ele não ligou. É simples. Não foi. Não era pra ser. O problema não é a sua celulite ou sua raiz do cabelo que está por fazer. O problema talvez não seja nem nele. Ou talvez até seja. Mas quer saber? Pouco importa. Homens problemáticos por aí tem aos montes, mas poucos que vão merecer você. Mulher é bicho desesperado, o cara esbarra na sua caipirinha e pronto, já pensa em casar, ter filhos e comprar uma casa na praia. Coitada. Não programe. Não se precipite. Não exagere. Não corra na direção contrária. Seja paciente e viva tudo no seu tempo certo. Sem forçar a barra, sem forçar nada. Sem dizer nada. Seja você, rouca, louca, boba, tola. As coisas são como são no tempo exato. Se ele gostar de você, vai ligar, vai procurar e vai exagerar assim como você. Vai esperar pelo próximo encontro, vai separar a roupa, ensaiar a voz rouca e vai gostar de você louca, boba, tola…

...

photo


P.S:

Um homem não precisa ser príncipe o tempo todo as vezes ele precisa ser o lobo mal.

# hahahaha

Te ver mais ou menos realmente me incomoda.

“Me diga que está triste, eu consolo. Me diga que nunca foi tão feliz, eu concordo. Me ame ou me odeie. Me mande pra puta-que-o-pariu ou me convide pra ir com você. Exploda na minha cara ou se derreta na minha mão. Deixa eu te ver morrendo de tanto rir ou com vergonha das olheiras de tanto chorar. Só não me esconda o rosto. Me abrace, me esmurre, me lamba ou me empurre. Só não me balance os ombros. Não me perturba assistir tua dor nem acompanhar teu gás. Te ver mais ou menos realmente me incomoda. Mais ou menos não rende papo, não faz inverno nem verão, não exige uma longa explicação. É melhor estar alegre ou estar triste, mais ou menos é a pior coisa que existe.”

terça-feira, 19 de junho de 2012

Perceba o sinal verde, ultrapasse.


 Intenções soltas e desejos desconexos. Esse mistério todo é uma violência contra a minha inteligência. Sejamos diretos para não sermos idiotas: eu te quero. Você me quer? Não sabe? Ah, então vá pra puta que te pariu. (E vá ser vago na casa da sua mãe porque embaixo da sua manga eu não fico mais!)
(...) Seja inteligente, faça jus à espécie, seja Sapiens. Perceba o sinal verde, ultrapasse.
(...)Eu não sou morna e, se você não quiser se queimar, morra na temperatura do vômito. E bem longe de mim.
(...)Eu ainda quero muito. Quero as três da manhã de um sábado e não as sete da tarde de uma quarta. Vamos viver uma história de verdade ou vou ter que te mandar pastar com outras vaquinhas?
(...)A sorte é sua de ser amado por mim e eu quero agora, ontem, semana passada.
Amanhã não sei mais das minhas prioridades: posso querer dormir com pijama de criança até meio-dia, pagar 500 reais numa saia amarela, comer bicho-de-pé no Amor aos Pedaços ou quem sabe dar para o seu chefe em cima da mesa dele.
(...) É assim que vivo, masturbando minha mente de sonhos para tentar sugar alguma realização. É assim que vivo: me fodendo.
(...)Calma, raciocínio e estratégia são dons de amor que pára para racionalizar. Amor que é amor não pára, não tem intervalo, atropela.
Não caio na mesma vala de quem empurra a vida porque ela me empurra. Ela faz com que eu me jogue em cima de você, nem que seja para te espantar.
Melhor te ver correndo pra longe do que empacado em minha vida.'

[Diga não aos covardes]
Tati Bernardi

Só sei que estou preparada para quebrar a minha cara


"(...) Não, eu não quero ser medíocre, não. Deus não me deu esse estômago enjoado, essa alergia encantada de vida e esse coração disparado à toa. Eu devo ser especial, eu devo ter algum talento.
Não, eu não quero ser medíocre, não eu não quero desistir, não quero optar pelo caminho mais fácil, não quero que a energia negativa me enterre.
(...) Faltava um romance entre a gente, falsamente preenchido por filmes e músicas românticas.
Faltava um cansaço de prazer que me desse preguiça de olhar para outros homens.
(...) Eu não sei se ele existe, da mesma forma que eu não sei se um dia serei uma grande redatora.
Só sei que estou preparada para quebrar a minha cara, porque eu posso ser louca, boba e infantil, mas eu não sou medíocre."

vou querer que você sinta medo, orgulho , paixão , tesão , fome de mim.


Eu sou assim , eu vou sumir quando você menos esperar , eu vou surtar com você , vou querer que você sinta medo, orgulho , paixão , tesão , fome de mim . Eu vou ter as vontades mais loucas , eu vou sentir inveja até da sua sombra por estar perto de você de dia , e do seu travesseiro por estar com você a noite . Eu vou aparecer só pra você me perceber , eu vou sumir e aparecer milhões de vezes pra você me notar . Eu vou ter sede da sua atenção , eu vou querer seu " mais eu te amo " quando eu disser " eu te odeio , e não quero mais te vê por aqui " , eu vou querer um beijo roubado no meio daquela briga , eu vou querer seus elogios quando o espelho estiver de mal comigo , eu vou querer sua sinceridade quando for necessário , e a sua doce mentira quando minha vaidade precisar , eu vou querer surpresas no meio do dia , ligações inesperadas , eu vou respirar você , eu vou amar você...
E aí vai querer mesmo cruzar meu caminho?

-Tati Bernardi

Os três pontinhos são o que me matam!


"História escrita a lápis, lápis-borracha para tudo ser mais prático. Escrita de qualquer jeito, torta, em linhas invisíveis. Com um início de perder o fôlego, mas com um eterno três pontinhos num final que nem existe.
Os três pontinhos são o que me matam, ponto final seria a dureza clara e o fim da história, três pontinhos são o que me matam."

Tati Bernardi

É você quem eu sempre busco com minha gargalhada alta.



Por mais que todas as terapias do mundo, todas as auto-ajudas do universo e todos os amigos experientes do planeta me digam que preciso definitivamente não precisar de você, minha alma grita aqui dentro que, por mais feliz que eu seja, a festa é sempre pela metade.
É você quem eu sempre busco com minha gargalhada alta, com a minha perdição humana em festejar porque é preciso festejar, com a minha solidão cansada de se enganar.!"

Tati Bernardi

E de escolhas e de perdas é feita a nossa história.

... porque o que quase foi não pode atrapalhar o que 
ainda pode ser.
(...) E de escolhas e de perdas é feita a nossa história. Não há nada que se possa fazer a não ser carregar por um tempo um peso sufocante de impotência: eu escolhi que aquele fosse o último abraço.
Agora é outra que se perde em ombros tão largos, tomara que ela não se perca tanto ao ponto de um dia não enxergar o quanto aquele abraço é o lado bom da vida.
(...) Aquele abraço era o lado bom da vida, mas para valorizá-lo eu precisava viver. E que irônico: pra viver eu precisava perdê-lo.
(...) Mas a realidade é que não gostamos desses tipos de filme fraco com final feliz, gostamos dos europeus "cult" onde na maioria das vezes as pessoas sofrem e perdem, assim como aconteceu com a gente."
Tati Bernardi



FATO!



E desde quando você acha que sabe melhor de mim, do que eu? Existem tantas coisas que eu vivi que você nunca viveu.

Acho que acordei louca.



Louca de saudade de mim. Louca de saudade dos meus sonhos que ficaram trancados dentro da gaveta. Louca de vontade de voltar no tempo e fazer certo. Mas eu fiz o que tinha que ser feito. Eu fiz o que estava ao meu alcance. Me arrependi, sim, de algumas coisas. Quem nunca se arrependeu? Acho que a gente tem muitas chances na vida pra tentar endireitar as coisas. E eu tento me endireitar constantemente. Vou torcer para que isso signifique alguma coisa no meio desse emaranhado de incertezas e interrogações que é a vida.

domingo, 17 de junho de 2012

Depois de algumas experiências e expectativas fraturadas, a gente se protege.


Não entendo gente que não tem amor. Me causa estranheza. Por isso, cada vez mais, eu olho para dentro. Meu mundo interno é sempre arejado, com flor em vaso, cheiro de lírio e café passado, gosto assim. Por que, aqui fora, tem tanta bagunça? Sabe, eu queria acreditar fundo nas pessoas, mas ando com tanto medo. Depois de algumas experiências e expectativas fraturadas, a gente se protege. Agora, ando de capacete e joelheira quando saio para dar uma volta no mundo de fora. O mundo do jeito que é vezenquando me dói.
— Clarissa Corrêa

A vida é plural e a gente é feito de vários momentos.

Ninguém é tão sensível. Ninguém é bruto o tempo todo. Todas as vezes que tentam me colocar num desses estereótipos eu fico angustiado, sabe? Porque não é verdade. A vida é plural e a gente é feito de vários momentos. A construção da personalidade é feita de vários momentos, dentro de impressões sobre o mundo que você tem a cada momento e antes de qualquer coisa eu tenho muito mais conflito do que certeza. Então, eu não posso me afirmar porra nenhuma."

no calor da hora a gente fala um monte de bobagem


Eu não sei. Na hora pareceu uma boa saída, sabe? Estava tão cansada. No redemoinho da situação, no calor da hora a gente fala um monte de bobagem, troços que intimamente pensamos, mas não cabe dizer. Eu não queria dar um tempo, eu só queria terminar com aquela gritaria, fugir, sei lá, virar pó, desmaiar, qualquer coisa. Ele não precisava ouvir algumas coisas que eu disse. Sei que o magoei.


P.S: Eu preciso aprender a falar menos, mas o problema é que a intensidade me domina e eu acabo falando tudo o que sinto!

O amor não tem medidas, números, não cabe na balança.


O importante é querer estar junto, querer não desistir. Ninguém tem a obrigação de saber o que a gente pensa. O que as pessoas devem é respeitar o que pensamos, isso sim. E entenda: ninguém vai pensar como você porque ninguém sente como você. Não queira colocar uma fita métrica imaginária no coração do outro e medir vamos-ver-quem-ama-mais. O amor não tem medidas, números, não cabe na balança. Cada um tem seu jeito, sua forma, sua personalidade. A gente tem que aceitar. Não só o outro, mas a gente mesmo. E viver.
— Clarissa Corrêa.

antes que o relógio marque meia noite.


"Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim."

  Charles Chaplin

Para mim, algumas coisas são para sempre.

É claro que a gente se engana, se surpreende, se decepciona. Já pensei que amei. Já pensei que me apaixonei. E vi que era fogo de palha. Já pensei que era amizade. Já achei que fosse de verdade. E vi que era faísca. Mas tudo que eu gosto, eu gosto. Lembre disso. Para mim, algumas coisas são para sempre. Amigos, por exemplo. A gente sabe que tem os de verdade, os que vão atravessar anos, estados, países, turbulências e mau tempo. E a gente também sabe que tem aqueles de momento. Uma pessoa pode ser muito sua amiga hoje na aula de inglês, no trabalho, na primavera. Depois passa. E aí, era amizade? Era. Mas era aquela amizade de momento. E era verdadeira? Também era. Naquele momento. Acho que existe o perecível e o que não tem data de validade. E digo: tenho amigos que não têm data de validade, apesar de eu não estar sempre junto deles. Também tenho amigos que são amigos hoje, que sei que posso contar, mas não sei se estarei junto daqui a dez anos. Isso pra mim é muito claro. E a família? Família, você querendo ou não, é pra sempre. É um laço. Não se desfaz. Pode ter briga, atrito, confusão, mas é família. E é pra sempre."

Tantos questionamentos que muitas vezes não nos levam a nada, ou então, nos mostram tudo.

"Uma vida não questionada não merece ser vivida” dizia nosso sábio Platão, e com toda a razão deste universo, pois, quem nunca questionou a própria existência, que atire a primeira pedra. E que atire em mim, por favor, de modo que me acerte em cheio e me faça acordar desde delírio. Quem, a está altura do campeonato, nunca questionou nada? Por que bocejamos quando estamos com sono? Ou então, por que sentimos frio? Por que somos quem somos ao invés de ser ciclano ou beltrano? Por que estamos aqui, agora? Por que, por que, por que? Por que questionamos demais? Ou quem sabe, de menos? Por que temos tanta facilidade para aprender certas coisas, e tanta dificuldade para outras? Por que nascemos? Por que morremos? Por que nos apaixonamos? Por que, às vezes, odiamos? Tantos questionamentos que muitas vezes não nos levam a nada, ou então, nos mostram tudo. Nos fazem enxergar que o mundo em que vivemos não passa de um grande e repetitivo ponto de interrogação que não quer, não deve e não vai nos largar um segundo se quer. Até porque, se um dia esta gigante interrogação nos deixar, será para cavar a nossa cova."

sábado, 16 de junho de 2012

a gente sempre aponta pro lado errado!


Pras mulheres que desacreditaram dos homens, nem venham dizer que príncipes encantados não existem, pois eles existem, eles só não vem mais com uma roupa de galã branca em um cavalo branco, os príncipes encantados, são aqueles caras que dormem e acordam pensando em vocês, pensando em uma forma de fazer vocês felizes por mais uns dias, pensando em arrancar um simples sorriso, algumas infelizmente não tem o principe encantado porque ao invés de escolhê-lo, escolheram ao bobo da corte por ser mais bonitinho e engraçado.

— Tati Bernardi

Mas eu vivo repetindo....


O problema é que muita gente não tem personalidade própria e se deixa influenciar com qualquer merdinha que acontece. (nojo)
Depois olha com aquela cara de 'cachorro novinho' dizendo que foi tudo um grande erro! (drama)
E eu lá preciso de gente igual a camaleão, que muda de cor conforme as estações. Eu quero é gente de verdade, gente completa, gente que se mostra sem máscaras e sem disfarces; até porque um dia o disfarce se desfaz e a mascara cai no chão.

#Pouco exemplo, pra muita opinião!
Fale menos por favor! Palavras enganam, atitudes provam! ;)

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Mas saber-se amado é uma coisa, sentir-se amado é outra.

Você sabe que é amado porque lhe disseram isso, as três palavrinhas mágicas. Mas saber-se amado é uma coisa, sentir-se amado é outra. Uma diferença de milhas, um espaço enorme para a angústia instalar-se.
— Martha Medeiros


P.S: Palavras revelam, atitudes comprovam!
Palavras se perdem no meio de tanta mentira, atitudes marcam de dentro pra fora.
Então por favor, fale menos e faça mais... porque sinceramente eu já me cansei de palavras vazias e atitudes pequenas.
É muita coisa dita e pouca coisa sentida e eu já não quero me iludir com o que você diz... cansei dessa ladainha barata e totalmente clichê, eu não sei dizer sem sentir e agir sem querer!
Gosto de colocar intensidade em tudo que faço, se não acaba virando rotina;
e rotina meu amor, eu não desejo a ninguém!
Os dias parecem iguais, mas são diferentes... faça diferente, seja diferente. Teste todas a possibilidades, arrisque todas as alternativas... Só não fique parado, parar é consequência de ser fraco... seja forte!
Ninguém disse que viver é tarefa fácil, mas e daí? Ninguém é melhor nem pior que ninguém, todo mundo é igual... a diferença é que uns querem menos outros querem mais! E eu quero muuito!
Eu quero atingir todas as cotas de felicidades existentes nessa vida, não quero uma vida normalzinha e sem graça. Eu quero poder olhar pra trás e me aplaudir por tudo que fiz, eu quero me permitir sem ter medo de errar.
Porque viver é isso, viver é esquecer que o amanhã existe e se dedicar apenas ao hoje... 
Viver intensamente cada momento, porque depois que passa, jamais volta! :)
-Rosemary Lima



Porque metade de mim é amor e a outra metade também.

Porque metade de mim é o que eu grito mas a outra metade é silêncio. Porque metade de mim é partida mas a outra metade é saudade. Porque metade de mim é o que ouço mas a outra metade é o que calo. Porque metade de mim é o que eu penso mas a outra metade é um vulcão. Que o medo da solidão se afaste, e que o convívio comigo mesmo se torne ao menos suportável. Porque metade de mim é a lembrança do que fui, a outra metade eu não sei. Porque metade de mim é abrigo mas a outra metade é cansaço. Porque metade de mim é amor e a outra metade também.
- Oswaldo Montenegro


algum dia tudo se reduzirá a nada...


O que eu odeio é que algum dia tudo se reduzirá a nada, os amores, os poemas. Acabaremos recheados de terra como um taco barato. Que coisa mais triste, tudo é tão triste - a gente passa a vida inteira feito bobo pra depois morrer que nem besta.
-Charles Bukowski

Eu decidi não lutar mais contra aquilo que não posso mudar.

Tem gente que passa a vida toda lutando contra alguma coisa. Uns lutam contra a balança, outros contra a morte, alguns lutam contra o amor. Eu decidi não lutar mais contra aquilo que não posso mudar. Certas coisas a gente precisa aceitar sem bater o pé ou fazer cara feia.
 -Clarissa Corrêa.

Algumas pessoas sentem prazer em perturbar os outros.


 
Nem faço muita questão que as pessoas me conheçam a fundo. Tem gente que não merece o nosso coração aberto. Certas pessoas não precisam conhecer nossa alma. Porque elas nem vão saber o que fazer com tanta informação. Tem gente ruim no mundo, já me convenci disso. Espero que você entenda isso também. E que não sofra tanto ao constatar que nem todo mundo quer o seu bem. Algumas pessoas sentem prazer em perturbar os outros. O que ganham em troca? Não sei. E nem quero descobrir.
-Clarissa Correa

Só precisa ser sincero. E real.


 
Não mereço uma pessoa que não sabe o que quer. Mereço certezas. Mereço que seja recíproco. Não quero alguém que me bajule o tempo todo. Não precisa abrir porta de carro, oferecer diamantes, pagar o jantar. Só precisa ser sincero. E real. E, principalmente, se entregar por inteiro. Porque não estou aqui para receber metade de nada.
-Clarissa Correa

tem que ter sintonia.



Uma relação pra dar certo tem que ter sintonia. Os dois têm que caminhar na mesma direção. Não adianta você querer puxar o outro pela mão. Tentar carregar no colo. Dar uma carona. Arrastar pelos pés. O outro tem que querer ir.
-Clarissa Corrêa.


quinta-feira, 14 de junho de 2012

Hoje eu acredito apenas na verdade.


Já acreditei em bicho-papão, em monstro, em homem do saco, em bruxa. Já acreditei em sapo, em príncipe encantado, em alma gêmea, em amor eterno. Hoje eu acredito apenas na verdade. É que acho que cada um tem um jeito de ser e de amar e não podemos lutar contra isso. Não dá pra passar a vida toda idealizando, querendo trocar o outro, sonhando, com o pé na nuvem e o coração na mão.

— Clarissa Corrêa

E procure ser feliz hoje.


Reflita. Se perceba. Se decida. E procure ser feliz hoje. Buscar você mesmo em algum canto. E abraçar, beijar, seguir em frente sem olhar o que ficou.
-Clarissa Correa

isso é FATO!


Homem nenhum é garantia de felicidade. Mulher nenhuma é garantia de felicidade. A felicidade fica na nossa mão, é nossa responsabilidade. Ter alguém para dividir a vida, a cama, a mesa e o banho é fantástico, mas você tem que aprender a viver só antes de viver com alguém. Isso aprendi com a minha mãe, ainda pequena. Entre uma história e outra de contos de fadas, ela me dizia que eu sempre tinha que gostar de mim. Ponto final.
— Clarissa Corrêa

Que eu me lembre de ser feliz enquanto ainda estou viva.


 
Que eu possa tomar banho de cachoeira. Que eu seja a vontade de rir. Que eu possa chorar ao assistir filmes. Que transforme a raiva em vontade de me entender. Que eu possa soltar os vaga-lumes que prendi em potes. Que eu me lembre de ser feliz enquanto ainda estou vivo.
- Fabricio Carpinejar


As pessoas mal se olham nos olhos!

       Não confio em quem não olha nos olhos e abraça mole. Acho que falta mais olho no olho na vida. As pessoas mal se olham nos olhos, mal se cumprimentam, mal se beijam. Selinho é bom, mas beijo de língua é melhor ainda. Tapinha no ombro não me seduz, gosto mesmo é de abraço apertado, abraço quentinho, abraço bem abraçado. Não gosto de quem oferece o rosto, gosto do barulhinho do beijo estalando na bochecha, todo oferecido, bem exibido.
       As pessoas ficam hesitando, não querem se dar. Mas a gente tem que se dar por inteiro. Ficam nesse vou-não-vou, quero-não-quero. Tem que querer, rir, ir. Sem medo, sem cobrança, sem procurar motivos. Mesmo porque os motivos só aparecem bem lá na frente. Uma hora a vida resolve nos dar explicações, mas não tente procurar agora, esse não é o momento.
      Não dá pra ficar se questionando. Eu sei, sei que a gente questiona, que os pontos de interrogação rondam a cabeça e o coração. Mas sossega, aquieta o pensamento, deixa os sentimentos chegarem, ficarem, se instalarem. Para, então, você viver de forma mais plena e feliz.
-Clarissa Correa

As pessoas têm a triste mania de não honrar com as palavras e com os compromissos.


Eu insisto nas pequenas atitudes, nos pequenos gestos, nas pequenas (grandes) palavras. Detesto quem não cumpre o que promete. Se você disse que ia fazer, por favor, faça. Se você disse que ia responder um e-mail, que ia retornar uma ligação, que não ia mais gritar com o gato, que ia guardar suas roupas no armário, faça. As pessoas têm a triste mania de não honrar com as palavras e com os compromissos. E isso pra mim é a pior falta de respeito que existe. Palavra não existe à toa.
— Clarissa Corrêa

Uma hora as pessoas se enchem umas das outras.


Talvez eu ande menos romântica e sonhadora. E não sei se isso é essencialmente bom e saudável para mim. Logo eu, um ser tão emocional. Tenho ouvido histórias de coisas desfeitas, o que me dá um aperto imenso na garganta. Como pode um amor não ser mais nada? Como pode uma pessoa abandonar aquela vida tão certa, tão direitinha, tão lar-doce-lar? Como? Simples, abandonando. Uma hora as pessoas se enchem umas das outras. Uma hora o amor pode virar as costas. Uma hora uma loura estonteante pode cruzar seu caminho. E te deixar com a cama vazia e o coração em frangalhos.
— Clarissa Corrêa


quarta-feira, 13 de junho de 2012

esses negócios de sentimentos demonstrados demais meio que estraga.

“mas sei lá, não sei se toda essa coisa patética é mesmo necessária. tô resolvendo umas coisas aqui viu, esses negócios de sentimentos demonstrados demais meio que estraga. tô aqui aprendendo que nem todos dão valor ao que você pode oferecer, e acabar demonstrando afeto demais começa a encher o saco, e eu digo tudo isso da minha parte. chega de ligações, preocupações, sentimentos demonstrados aos extremos. vou ficar mais relax mesmo, não quer me ligar, não liga, mas também não ligarei. não quer me ver, não me veja, mas também não sairei que nem doido atrás de você […] é apenas um aviso que eu deixo bem simples: se quiser, me procura você. e outro aviso que eu deixo também: isso tudo é só conversa mesmo, teoricamente falando, tá tudo certo. é quando chega na hora da prática que ferra com tudo.”
-CFA

Quero uma vida simples.




Mas essa é a realidade: não quero ser cool. Não quero ser intelectual. Não quero ser moderna. Não quero ser descolada. Não quero ser capa de revista. Não quero estar na moda. Não quero ser escritora com nariz em pé. Não quero ser Oh. Não quero ser nada disso. Quero uma vida simples. Ler, escrever e ser lida. Amar e ser amada. Trabalhar, pagar as contas, viajar e me divertir. Estar com quem eu gosto. Não fazer tipo, poder sair com a minha cara - e o que me resta de coragem - pelo mundo afora. E se tiver um pouco de glamour sobrando, pode me dar, eu aceito. Com duas pedrinhas de gelo, por favor.
— Clarissa Corrêa

É uma espécie de paradoxo.


O problema é que queremos que as pessoas entendam como estamos nos sentindo, mas a verdade é que nem nós mesmos sabemos. O problema é que existem pessoas que se importam, mas não acreditamos em nenhuma delas. É uma espécie de paradoxo. Fugimos na intenção de que alguém nos procure. Vamos embora na intenção de que nos peçam pra ficar. Não dizemos, mas queremos que percebam. É confuso, é complicado. O problema é sermos humanos, o problema é termos sentimentos.